Marketing Digital Para Negócios Online Em 7 Passos

Marketing Digital Para Negócios Online Em 7 Passos
copywriting

A maneira mais inteligente e funcional de iniciar no marketing digital aprendendo novas habilidades e evitando erros recorrentes.

Esse artigo está repleto de novas ideias para novos empreendedores digitais ou donos de negócios físicos, ou qualquer pessoa que queira entender um pouco mais sobre o marketing digital.

Se você quer iniciar no marketing digital evitando os primeiros erros e começar dando o passo certo nessa jornada, então esse artigo é para você.

Afinal o que é marketing digital?

Você poderia definir o marketing digital como o conjunto de ferramentas online que proporcionam melhores resultados na promoção de produtos ou serviços, assim como marketing de conteúdo, de e-mail, mídia sociais, busca e etc. 

Quando queremos estar no lugar certo, na hora certa, com o público certo, podemos alcançar isso com o apoio das ferramentas de marketing digital.

Grandes empresas estão mostrando ao público a sua mensagem e alcançando, criando e aumentando seus clientes utilizando desse recurso.

O público de hoje em dia passa a maior parte do tempo na internet e esse número está crescendo de forma espantosa a cada dia, então estando no lugar e hora certa, para o público certo, podemos enviar nossa comunicação.

E quem entende de marketing digital não envia qualquer comunicação, mas uma que seja persuasiva e que tenha grande poder de conversão.

Para um iniciante nesse jogo, utilizar dessas ferramentas pode parecer um tanto quanto assombroso, mas posso garantir, que a cada passo você não utilizará de todos os recursos do marketing digital, você irá avançando com o tempo, utilize apenas o necessário para iniciar nesse jogo.

As estratégias de marketing digital estão coligadas, uma soma a outra, então basta iniciar com os primeiros blocos desse sistema e montando o quebra cabeça, para alcançar cada vez mais resultados.

Para que usar marketing digital?

Hoje as pessoas estão cada vez mais conectadas a internet, em seus dispositivos preferidos, passam horas assistindo vídeos, enviando mensagens, compartilhando idéias, criando novos relacionamentos e assim por diante.

Há um público enorme permanente na internet e assim como empresas tradiconais mantém seu relacionamento usando estratégias de marketing tradicional, se faz também necessário que as empresas ou empreendedores na internet usem o marketing digital para o mesmo fim.

Quando criamos relacionamento, conexão e entregamos valor a um determinado público, estamos construindo um ativo de muito força, então fica difícil construir esse ativo sem ajuda do marketing digital.

Qualquer pessoa que queira hoje trabalhar com a internet necessariamente precisa utilizar o marketing digital, é com ele que o empreendedor conseguirá construir um patrimônio sólido e duradouro a médio e longo prazo.

O marketing digital ajuda transformar vidas, é um poderoso conjunto de ferramentas que podem proporcionar a liberdade financeira de qualquer empreendedor, saber usar e se especializar nesse conjunto de ferramentas é que farão a diferença, é isso que separa os curiosos daqueles que sabem jogar o jogo.

Como estão as compras online?

As pessoas estão cada vez mais comprando através da internet e esse é o futuro, isso tende a crescer cada vez mais.

Segundo o G1, o faturamento das lojas online teve um crescimento na casa de 47% em 2020 logo no primeiro semestre, se compararmos com o ano de 2019. Uma alta no setor que não tinha acontecido em um período de 20 anos, segundo o levantamento da Ebit/Nielsen.

Com um faturamento na casa de 38 bilhões em 2020, acima do faturamento de 2019 que ficou na casa de 26 bilhões. Então dá para ter uma idéia to potencial que a internete tem no aumento do faturamento das lojas online.

Perceba que você mesmo pode estar pesquisando por soluções na internet, sempre em busca de algo que precisa, já abre o buscador Google e digita uma palavra-chave, as vezes para saber sobre um problema físico, ou porque quer comprar um produto, ou mesmo porque quer fazer um curso online e aprender uma nova habilidade.

A maioria das decisões de compra iniciam através da internet, então não importa o produto ou serviço que oferecemos, é importante marcarmos presença online. O mundo está mudando e a tecnologia leva os empreendedores a isso.

Existe um público gigante querendo o produto ou serviço que você oferece, e eles estão em um determinado lugar na internet, imagine seu produto ou serviço aparecendo para todas essas pessoas e em todos os lugares que elas estão? As chances é que você fará muitas vendas.

Usamos um boa estratégia de marketing digital para trazer esse público até nossa oferta, sendo uma oferta matadora que destroi todas as objeções de compra do seu lead, a conversão em vendas tem muito mais chances de acontecer.

É possível construir um sistema de venda automatizado que gera um público qualificado e produz alta conversão em vendas e isso tudo através do marketing digital.

Qualquer pessoa pode utilizar o marketing digital para criar, manter e viver de negócios online em qualquer tipo de nicho de mercado, sendo até possível iniciar sem nenhum investimento financeiro.

Mas fazer isso sozinho é um risco sério, se você não souber jogar o jogo, com certeza você irá desistir, assim como muitos já fizeram, então é primeiramente preciso ter uma mentalidade empreendedora, preparar sua mente para os desafios que um empreendedor online enfrenta no dia a dia.

Não é fácil, mas é possível, também não é tão difícil para que não possa ser feito, é por esse motivo que escrevi esse conteúdo, para entregar a você os passos importantes para a criação de uma sistema de negócio online utilizando o apoio do marketing digital.

Mesmo que você não tenha nenhuma experiência de negócios online, ou que seja um empresário querendo marcar presença online, esse conteúdo guiará você nesse processo inicial e sem custo nenhum.

Vamos ver como iniciar um modelo de negócio com base na internet e utilizando estratégicas de marketing digital, para vender seu produto ou serviço, ou até mesemo para ajudar você a encontrar um produto para vender sem precisar necessáriamente ser um vendedor, o sistema fará isso por você.

Benefícios do marketing digital

Utilizando o marketing digital para sua empresa, negócio ou até mesmo pessoal poderá gerar vários benefícios:

  • Ajudará a construir sua presença online
  • Gerar engajamento com seu público-alvo
  • Converter novos leads em compradores
  • Gerar autoridade
  • Quebrar ojeções antes do fechamento
  • Tranformar seu público em clientes fiéis

É preciso ter cuidado com estratégias de marketing digital, sempre tem pessoas criando novos pulos do gato a cada semana e esse mesmo pulo não funciona mais dentro de uns 15 dias ou menos.

É preciso saber a estratégia que funciona e que mantém seu negócio rodando e gerando resultados sempre, a cada semana, mês e ano.

Não precisa ser muito redundante e cansativo, é preciso ir direto ao ponto, mas com a certeza que iremos entrar no jogo de maneira mais acertiva e digo jogo, porque qualquer um que inicar esse processo pode errar.

O modelo de negócio e nicho

Iniciamos nossa estratégia de marketing digital em um modelo de negócio para capturar contatos e criar processos de conversão.

Agora começa a fincar mais interessante, se até agora suas vendas não estão acontecendo, ou o tráfego para seu conteúdo não está acontecendo, com o que irei te entregar aqui, se aplicado corretamente, as chances são que ambos irão aumentar.

O que será mostrado aqui

Quais os passos que utilizaremos para construir esse modelo de negócio online?

Escolher e validar um nicho de mercado: Mesmo que você já esteja atuando em um nicho, é importante observar essa parte antes de avançar.

Trabalhar em um bom nicho de mercado pode acelerar e muito, os resultados no princípio, oferta e demanda é um ponto importante a considerar nesse passo.

Mas o importante é trabalhar dentro de um nicho que você tenha conhecimento e que goste, não entre em um negócio apenas por dinheiro. Pense na mudança de vida que você proporcionará a outras pessoas, o dinheiro será consequência disso.

Esse modelo de negócio será desenvolvido para que você não foque no dinheiro, ele mesmo cuidará de gerar o eu financeiro, o importante é o foco no conteúdo, na solução dos problemas que sua audiência possa ter.

Escolher um produto: vamos conhecer algumas plataformas que disponibilizam produtos prontos, se você já tiver seu produto, também não desconsidere essa parte.

A escolha do produto é algo a se considerar, existem alguns pontos que podem refletir em suas vendas, facilitando ou dificultando esse processo, assim como vídeo de vendas, carta de vendas, design, carregamento da página, ticket do produto e etc.

O Método: Entenda o fundamento desse método de negócio e porque de todo o processo na utilização do marketing digital e como isso tudo gerará resultados.

Construir um modelo de negócios online para utilizar como apoio de conversão o marketing digital, é algo que acelera o processo.

Quando seguimos um modelo de negócio ou método que já tenha sido testado e que tenha gerado resultados, acelera e muito os resultados desejados e é isso que quero propor aqui, entregar a você um método ou modelo de negócio que funciona.

* IMPORTANTE: Ser você quer se aprofundar em negócios digitais, dá uma olhada nesse vídeo! Comece a montar seu negócio online ainda hoje.

Esse método é apoiado em dois pilares principais, o marketing de conteúdo e conversão de vendas.

Domínio: A importância de escolher um bom domínio com base em uma palavra-chave de alta pesquisa e que tenha relação com seu nicho de mercado.

A escolha de um bom domínio ajudará seu site ser encontrado com mais facilidade, esse é um ponto importante e desconsiderado por muitos empreendedores.

Quando se trata de um modelo de negócio online, tudo tem que ser pensado para gerar a maior audiência possível e o domínio bem escolhido conta nessa hora.

Plataforma de conteúdo: Escolhendo uma boa plataforma para entrega de conteúdo e geração de lista.

Vamos pensar em uma plataforma que seja robusta e entregue tudo aquilo que precisamos para manter nosso site e blog funcionando, esse sistema requer criação de conteúdo, captura de contatos, pop-ups, formulário de emails, ads e muito mais.

A plataforma que utilizaremos para isso será gratuita e sustentará nosso site/blog no ar.

A importância de um bom serviço de hospedagem, para garantir um bom carregamento das páginas.

Marketing de conteúdo: Como criar conteúdo que gera valor e ajuda na conversão e aumento no tráfego.

O conteúdo será um dos pilares principais de modelo de negócio, então tenha em mente a importância de entregar as melhores soluções ao seu público-alvo.

Lembre-se, não tenha foco no dinheiro e sim em ajudar seu público, isso gerará conexão, confiança e disparará o gatilho da reciprocidade.

Captura de contatos: Como gerar uma lista de contatos responsiva e aumentar a conversão em vendas.

O conteúdo que você gerará, servirá para atrair um público mais qualificado, então precisamos capturar esse contato, manter eles em um plataforma, ou de e-mail marketing, ou Whatsapp, Telegram e etc.

Funil de vendas: A importância de utilizar um funil de vendas nesse método e conhecer sobre outras opções de geração de lista.

Como vimos anteriormente, o foco não será em vendas e sim em entrega de conteúdo de valor, o sistema de funil de vendas será responsável e um agente na conversão e fechamento de vendas.

Copywriting: Método de persuasão e eliminação de objeções, levando seus leads ao desejo de compra.

Manter uma comunicação persuasiva com seu público, ajudará na conversão de venda, autoridade, conexão e muito mais. Manter uma escrita persuasiva em todo o seu conteúdo, colocará seu negócio a frente de muitos.

ADs: Criação de anúncios em duas principais plataformas, que são utilizadas pelos maiores players de mercado.

Como todo o sistema montado, daremos um apoio e aceleração dos resultados, através de anúncios online, essa é uma forma de gerar tráfego e vendas de forma acelerada.

O trabalho orgânico deve ser feito constantemente, mas temos que ter em mente que esse processo gerará resultados a médio e longo prazo, enquanto que ser utilizarmos de Ads, aceleramos tudo.

Escolher e validar um nicho de mercado

Segundo o Wikipédia os nichos de mercado são segmentos pouco explorados, sendo uma parcela de um determinado mercado consumidor, aonde identificamos compradores através de suas necessidades específicas.

Fonte: Wikipédia

A escolha de um bom nicho de mercado deverá ser feita de forma cuidadosa, entender o tamanho e desejo do público-alvo é um dos pontos.

Para escolher e validar um nicho de mercado, vamos utilizar uma excelente ferramenta gratuita, o Google ads, é preciso criar um conta nova se você ainda não tiver uma.

Quando criamos um e-mail gratuito com o Gmail da Google, já podemos usufruir das ferramentas contidas no Google ads e uma delas é a ferramenta de palavras-chave.

Para iniciar vamos fazer um check-list do que precisaremos para iniciar nossa busca pelo nicho rentável.

  1. Crie uma lista das coisas que você tem habilidades
  2. Analise a procura por essas habilidades
  3. Verifique os sub-nichos dentro dessas habilidades
  4. Verifique a tendência futura dessas habilidades
  5. Conheça a concorrência
  6. Defina o público-alvo

Digamos que você queira trabalhar com o nicho de marketing digital e encontre interesse no sub-nicho que é e-mail marketing. Quais os passos para chegar a conclusão que esse nicho será rentável?

Podemos utilizar o planejador de palavras-chave encontrado no Google ads, digitar a palavra-chave e-mail marketing por exemplo e observar o volume de pesquisa mensal dentro do Brasil.

Se há demanda para essa palavra-chave, então você tem um nicho validado, pare agora por um minuto e escreva logo abaixo qual a quantidade de busca mês que você acha interessante para validar um nicho, terei o prazer em responder.

Dica: Você encontrará menos concorrência dentro dos sub nichos, acredito que seria mais interessante iniciar um modelo de negócio com base em sub nichos ou até mesmo micro nichos, você está livre para escolher.

Agora que conseguimos definir que o nicho de e-mail marketing tem uma busca interessante por necessidade específica sobre essa palavra-chave, podemos então trabalhar dentro desse mesmo seguimento?

Mas antes de ter certeza que você está entrando em um seguimento rentável, é preciso dar mais uma analisada, aprofundar mais.

Vimos que existe uma busca mensal em torno de 18.100, mas não sabemos se isso continuará crescendo ou diminuirá, então precisamos ter certeza que estamos entrando em um negócio que tem crescimento no futuro.

Podemos mensurar essa métrica utilizando o Google Trends, mais uma ferramenta gratuita da Google. Vamos adicionar uma comparação com a palavra-chave marketing de conteúdo.

Note que a tendência de crescimento para marketing de conteúdo é superior a de e-mail marketing, fiaria interessante trabalhar com a palavra-chave com maior crescimento dentro do nicho escolhido, mas considerar o crescimento do e-mail marketing mesmo que abaixo, também é interessante.

A palavra-chave marketing de conteúdo desponto na frente do e-mail marketing, está mostrando um crescimento futuro, mesmo se a pesquisa mês atual seja abaixo, as chances são e os resultados estão apontado que o melhor nicho para atuar com base no futuro, seria o marketing de conteúdo.

Escolher o produto

Se você tiver um produto, essa parte ajudará a mostrar a importância de uma boa oferta e se ainda não tiver um produto, saberá como entrar no mercado sem precisar criar um produto.

Produtos físicos

Para você que já possui seu produto, ou de sua autoria ou como afiliado, sendo produto físico ou digital, falaremos da importância de uma boa oferta.

Seu produto pode ser o melhor produto do mercado, que resolve um determinado problema com maestria, seja físico ou digital, mas será que ele realmente vende?

O produto por si só não tem o poder de fechar uma venda. O que podemos afirmar é que o produto é a segunda parte a se pensar quando queremos fechar uma venda, a primeira é a oferta, é ela que irá vender o seu produto.

Seu público-alvo tem diversas necessidades, problemas que devem ser resolvidos e isso vem com uma agravante que é as objeções. Se o seu produto resolve a dor do seu lead, então o passo seguinte é resolver às objeções.

Quebrando todas as objeções do seu lead através de sua oferta é que aumentará as chances de você realmente vender seu produto.

Dica: Conheça e crie uma lista com todas as objeções que seu público-alvo possa ter, de forma estratégica procure resolver todas essas objeções.

Produtos físicos tendem a ter uma venda mais facilitada do que produtos digitais ou prestação de serviços.

Esse modelo de negócio funciona perfeitamente para produtos físicos, tenha em mente que se esse é o seu caso, você terá uma vantagem em relação a os outros produtos. Esse é um produto tangível e as pessoas tendem a ter mais confiança em comprar aquilo que eles podem pegar.

Produtos digitais

Os produtos digitais não são tangíveis, as pessoas não podem pegar ou sentir, isso dificulta um pouco mais no processo de vendas, mas nada que não possamos contornar.

Trabalhar com produtos digitais tem suas vantagens, não tem necessidade de armazenamento, vendemos sempre o mesmo produto sem a necessidade de produzir novamente, não nos preocupamos com o frete.

Produzir um produto digital não é difícil, visto a quantidade de informações disponíveis na internet, mas dá trabalho. Uma vez produzido e pronto para vendas, você precisará apenas se preocupar com o processo de vendas.

Tanto o produto físico quanto o digital ou prestação de serviços devem ter qualidade, entregar para o seu público algo realmente de valor.

Se você não se sente confortável ou confiante ainda em criar seu próprio produto, não se preocupe, você poderá entrar no jogo com o marketing de afiliado. Você poderá se afiliar a um produto de qualidade e que realmente vende.

Existem hoje diversas plataformas de afiliação a produtos digitais e até físicos, você escolhe, recomendo que pesquise e analise cada uma delas.

Dentre as mais conhecidas temos as seguintes plataformas:

Hotmart: Fornece apenas produtos digitais, e preciso se cadastrar, entrar no mercado e escolher o produto certo, mas qual produto você deverá escolher?

De início você poderá escolher um produto que esteja com as vendas aquecidas, acima de 100 graus por exemplo, avalie a página de vendas, veja se essa página usa uma boa copy e gatilhos mentais, quebrando todas ou as principais objeções do seu público.

Uma boa página de vendas precisa causar o desejo de compra, parecer ao lead que essa é uma oportunidade única e que ele não pode perder, é uma oportunidade escassa.

Analise bem a página de vendas levando em conta o que foi mencionado acima, se a página conter um vídeo de vendas, terá ainda muito mais força para convencer o lead de que a oferta é única e que resolverá o problema dele.

Monetizze: Essa plataforma tem uma vantagem em relação a Hotmart, ela oferece além dos produtos digitais, os produtos físicos, não são muitas as opções, mas você poderá testar seu negócio com diferentes tipos de produtos.

Como qualquer outra plataforma a Monetizze requer um cadastro, para se afiliar a um produto e vender é rápido e fácil, mas para você colocar o seu próprio produto na plataforma sendo um produtor, é preciso enviar seus documentos e aguardar o processo de verificação.

Amazon: Se você quer uma maior diversidade de produtos, tanto digitais quanto físicos, um dos melhores recursos é a Amazon.

É requerido um cadastro simples e com isso você terá a oportunidade de criar seus próprios links, escolhendo um produto que pode ser físico ou digital, depois é só usar esse modelo de negócio para promover seu produto.

A oferta

Com o que te passei acima, seu negócio não terá falta de nenhum produto, mesmo que você tenha seu próprio produto, também poderá promover outros como afiliado, essa é uma fonte de renda incrível.

Tendo escolhido o seu produto, é hora de se preocupar com a oferta, é ela que é responsável pela venda e não o seu produto. Vimos a importância de analisar bem uma página de vendas de um produto, se realmente essa oferta vende.

No caso de você ser o próprio produtor ou dono do produto, a oferta terá que ser criada e como criar uma oferta que realmente vende?

Eu diria para você utilizar em sua página de vendas uma boa copy ( Copywriting – página com escrita persuasiva )

Não abandone seu cliente!

Após o fechamento de vendas, muitas empresas ou empreendedores abandonam seus clientes, parece então que o único desejo é o de vender.

É preciso ter em mente que estamos dentro de um processo de vendas, trabalhando com transformações de vidas, existe um ser humano do outro lado, que mesmo adquirindo o produto e dando um voto de confiança para você, ele ainda precisa de acompanhamento pós venda.

É preciso saber se o produto realmente está proporcionando uma transformação, se existem mais dúvidas a serem resolvidas, isso agregará mais valor ao seu produto no futuro.

Transformar um visitante em um lead e depois em um avatar é um processo que requer muita persuasão e entrega de conteúdo de qualidade, mas manter o seu cliente fiel é ainda mais trabalhoso.

Um bom empreendedor não vê seu cliente como uma moeda de troca, mas sim com um ser humano que necessita de ajuda. Entregando o que é melhor de si em conteúdo, solução e atendimento.

Registrar o domínio

A importância de ter um bom domínio, criado a partir de uma palavra-chave relacionada ao seu nicho de mercado, ajudará com questões de SEO.

Vimos anteriormente como escolher palavras-chave através da ferramenta Google ads, essa palavras podem ser usadas para a criação de conteúdo, mas também para a escolha do nome de seu domínio.

Digamos que você queira atuar no nicho de emagrecimento, eu sei que uma palavra-chave com uma incidência maior de procura mês é a “como emagrecer rápido” então eu poderia criar um domínio com essa palavra, ficaria mais ou menso assim:

Exemplo: www.comoemagrecerrapido.com.br

Nota: Estou referenciando esse domínio apenas para fins didático, não estou promovendo e nem tenho ligação nenhuma com ele.

Registrando assim um domínio, ajudará os motores de busca a entenderem do que se trata o seu site, é um ovo a mais na cesta.

Imagine um site com essa palavra-chave no domínio, em artigos, em tags, em imagens e em comentários? As chances são de que seu site será melhor ranqueado.

Claro que não é só o processo de palavras-chave que irão ranquear bem o seu conteúdo, mas a qualidade do mesmo. Quantas vezes ele foi comentado, compartilhado e gerado backlinks. O conjunto de tudo isso é que dirá aos motores de busca que seu conteúdo é relevante e que merece uma boa posição.

Marketing de conteúdo

Como criar conteúdo relevante e que sua audiência esteja necessitando consumir, o uso de gatilhos mentais para captar e manter a atenção do usuário em seu conteúdo é importante.

Muito bom! A criação de conteúdo de valor fará toda a diferença em sua estratégia orgânica de marketing.

Nesse modelo de negócio, estamos construindo um ativo a médio e logo prazo, que pode ser acelerado com Ads.

Quem é que não quer ter um ativo que seja duradouro e que esteja em constante crescimento? Todo o bom empreendedor deseja isso e nesse modelo de negócio o conteúdo dita as regras.

Não criamos conteúdo para nós mesmos, mas sim para resolver problemas de outras pessoas, se faz necessário a criação de conteúdo extremamente de qualidade e relevância, algo que realmente resolverá um determinado problema.

Não sei o que criar!

Não se preocupe, não sabemos de tudo, mesmo estando em um determinado nicho, as chances são de que você não domine por completo todos os assuntos relacionados.

Então para criar um conteúdo de qualidade, pesquise em torno de 10 sites diferentes e que aborde o assunto com muita profundidade, estude sobre o assunto e depois escreva com suas próprias palavras, entregando a mesma solução através de seu próprio conteúdo.

Adicione links para outros sites que entregam ainda mais valor ao conteúdo que você esteja criando.

Use gatilhos mentais, logo no começo da escrita procure prender a atenção do seu leitor através do título, primeiro bloco de texto ou quebra de padrões, abra alguns loops no decorrer do texto, mas procure fechar todos eles, não esqueça.

Todo o seu conteúdo deve ser produzido com base em copywriting com total qualidade e relevância no conteúdo.

Captura de contatos

Trabalhar com foco em captura de contatos é criar um ativo que manterá seu negócio funcionando sempre e com mais resultados, o relacionamento com o lead é mantido após a captura de contatos.

Muitos empreendedores não trabalham focados em captura de contatos e deixam um forte ativo escorrer por entre os dedos, geralmente esses empreendedores querem apenas vender, não sou contra isso, mas eu acredito muito mais no relacionamento do que não própria venda.

Capturar contatos não significa pegar e-mails e sair vendendo algo, ao contrário, vender algo deve ser resultado de um bom relacionamento com sua audiência.

Processos no relacionamento

O bom empreendedor deve manter um bom relacionamento após a captura de contato, alguns passos importantes devem serem levados em consideração:

  1. Converse com seu lead: Faça perguntas para sua lista, como você poderia ajudar melhor, o que ele busca que ainda não encontrou através de seu conteúdo, qual o tipo de produto que ele espera resolver o seu problema.

Você poderá criar um questionário através do Google e enviar para sua audiência, se eles estão te seguindo é porque acreditam em você ou em sua marca, as chances são de eles responderão as suas questões.

Isso mostrará interesse de sua parte em querer ajudar e despertará ainda mais o gatilho da reciprocidade em seu público.

2. Reclamações online: Geralmente e de forma mais rápida podemos entender os problemas que nossa audiência possa ter, apenas pesquisando em sites de reclamações.

Exemplo: Imagine que você queira criar um conteúdo que fale sobre “secar a barriga”, procure por um produto que tenha essa mesma proposta como solução e faça uma pesquisa online sobre ele.

Digamos que o nome do produto seja “Secar A Barriga 10 X Speed“, faça a seguinte pesquisa: “Secar A Barriga 10 X Speed funciona?

Você terá muitos dados para melhorar seu conteúdo com mais soluções e até mesmo criar um novo produto.

Funil de vendas

O processo do funil de vendas filtrará os curiosos dos interessados, mantendo apenas quem realmente tem condições de se tornar cliente.

Testar suas estratégias de marketing digital falam muito mais do que estou te entregando aqui, dados mensurados é que ajudarão você a subir de nível em conteúdo e soluções.

Se você ainda não sabe como mensurar os dados de seu conteúdo online, eu escrevi um artigo sobre os ICDS do marketing de conteúdo, que ajudarão você a obter dados para a criação de conteúdos que geram resultados.

Então testar o seu processo de funil de vendas também é algo a ser feito, eu já trabalhei com o funil tradicional e invertido, ambos dão resultados, mas quando inverti o funil os resultados aumentaram e foram mais acelerados.

Processos do funil de vendas:

Nesse artigo vou abordar aqui os passos mais superficiais do funil de vendas, mas eu escrevei um artigo muito mais aprofundado e ensinando no passo a passo como criar o seu funil de vendas, eu recomendo que você veja depois.

Nesse modelo de negócio você poderá usar o e-mail marketing, grupos no Telegram ou Whatsapp, vamos abordar aqui o uso do e-mail marketing.

Com o uso do e-mail marketing você poderá entregar conteúdo de valor para sua audiência e manter um relacionamento, gerando conexão e autoridade.

Você criará uma estrutura automatizada de envio de e-mails periódicos, os estudos apontam que para um lead confiar realmente em sua proposta, requer em torno de 7 contatos com sua marca ou solução.

Com base nisso podemos enviar uma sequência de 7 e-mails para nossa lista de contatos, sendo apenas conteúdo, sem vender nada.

1.Topo do funil: Quando geramos tráfego para nossa página de captura e nossa proposta é entregar um conteúdo de valor, que poderá ser um e-book, um artigo, um vídeo, ou podcast por exemplo, em troca de um e-mail, estamos levando esse público para o topo do nosso funil.

Muito desse público são de curiosos, que não serão leads e muito menos clientes, eles entram no funil com a intenção de sair e não deixar rastros.

Isso é comum é faz parte do processo do funil, afinal queremos que fiquem apenas as pessoas interessadas em nossa solução.

Nesse inicio, entregaremos o que há de melhor em conteúdo, não falamos de nossa solução final e não vendemos nada. Muita calma nessa hora meu pupilo.

2. Meio do funil: Nessa parte do processo de funil de vendas, seu público já conhece seu conteúdo, já está mais familiarizado com seu negócio, já se sente agradecido e está mais aquecido.

Ainda não estamos vendendo nada, continuamos entregando conteúdo e resolvendo problemas, aquecendo ainda mais nossa lista e gerando reciprocidade.

3. Fundo do funil:

Quando entregamos uma sequência correta de e-mails contendo conteúdo de qualidade e transformador, conseguimos levar o nosso lead até o fundo do funil.

Nesse período ele estará bem aquecido para receber uma oferta, em nossa jornada de relacionamento, ambos aprendemos um com o outro, você com seu público, o respeito, credibilidade e reciprocidade crescem juntos.

O seu lead foi preparado durante esses passos dentro do funil de vendas, agora é a hora de mostrar a ele sua oferta.

Muitos empreendedores utilizam uma sequência automatizada de 07 e-mail em uma sequência que pode ser:

Sequência de e-mails

  1. Envio de 3 primeiros e-mails com intervalo de 1 dia para cada: Envio de conteúdo em formato artigo, vídeo, e-book ou podcast por exemplo.
  2. Envio de 1 e-mail: Envie depoimentos de pessoas que já compraram o produto que você está ofertando. Embora você não vá vender nada nesse período, não tem problema nenhum mostrar apenas os depoimentos.
  3. Envio de 2 e-mails com conteúdo: Continue enviando conteúdo de valor. Use um intervalo de 2 dias para cada.
  4. Envio da oferta: Agora sim, seu público estará pronto para receber sua oferta, envie ele para a página de vendas.

Ads Anúncios em 2 plataformas

Os anúncios acelerará o processo de vendas de seus produtos ou serviços, dando condições de gerar receita mais rápida do que de forma orgânica.

Para acelerar todo o processo dentro desse modelo de negócio, nada melhor do que rodar campanhas, se você quiser atrair um público qualificado para dentro do seu funil que já está previamente e estrategicamente montado, basta rodar um ads, vou explicar melhor.

Eu mencionei duas plataformas para trabalhar com anúncio, mas na verdade vou entregar três delas para você:

Facebook ads

Facebook é uma rede social aonde podemos encontrar quase ou todo o tipo de público de quase todas as idades, compartilhando histórias, imagens e vídeos.

Sendo ainda considerado a maior rede social a nível mundial, com cerca de um milhão e meio de usuários diariamente segundo a UOL, que também comenta que a redução desse público vem ocorrendo. Ainda temos muitas oportunidades de negócio através dessa rede.

Para anunciar nessa rede é necessário que o negócio tenha uma página, a criação de páginas no Facebook é gratuita, você poderá criar a sua agora mesmo.

O Facebook possui uma plataforma de anúncio, aonde você poderá criar anúncios segmentados por público e região por exemplo. Definindo limites de gastos diários.

Para criar um anúncio no Facebook eu recomendo que faça primeiro um estudo aprofundado com todos os passos necessários para evitar erros e gasto desnecessários.

Google ads

Para anunciar no Google ads é importante que você tenha ou crie uma conta Google, é gratuito e você já poderá fazer isso agora, para ir se familiarizando com a plataforma.

A principio a plataforma de anúncios da Google parece um pouco complicada, mas a medida que você vai avançado e utilizando suas ferramentas, a interface vai ficando aparentemente mais amigável.

Como a plataforma de anúncios do Facebook, a da Google também requer conhecimento, anunciar nessas plataformas sem o devido conhecimento poderá causar um grande prejuízo para seu negócio.

Recomendo o estudo mais aprofundado sobre essa plataforma ou a contratação de um profissional para rodar suas campanhas.

Youtube ads

O interessante de anunciar no Youtube, é que podemos utilizar vídeos com alta definição e entregar a mensagem por completo, ou usar o CTA, chamada a ação, para direcionar nosso público a uma página de captura.

Anúncios em vídeos tendem a converter melhor, as pessoas gostam mais de assistir um vídeo do que ler, mas isso dependera muito de diversos outros fatores.

Você poderá escolher uma dessas plataformas ou trabalhar com as três ao mesmo tempo, é importante testar e conhecer bem as as funcionalidades.

É importante conhecer e saber como utilizar as ferramentas de cada uma dessas plataformas e ainda saber como criar anúncios que realmente convertem, prepare-se bem para essa estratégia antes de ir a batalha, é um jogo e você não vai querer perder.

Seguindo esses passos que te entreguei aqui, você estará a frente de muitos na criação de um modelo de negócio que realmente funciona, aprofunde seus estudos sobre tudo que mencionei aqui e parta para a ação.

Conclusão

Você aprendeu a criar um modelo de negócio que realmente funciona e que já foi testado no mercado, agora é só pro em prática.

Com esse modelo de negócio que te passei, você poderá vender produtos ou serviços, sendo eles digitais ou físicos.

Claro que existem muito mais coisas nesse modelo de negócio e que não caberia tudo em um único artigo, mas minha intenção com isso tudo, é despertar em você o interesse em se aprofundar mais nos estudos e criar o seu ativo de futuro.

Comente abaixo o que você queria encontrar nesse artigo que eu ainda não coloquei, poderei atualizar ele para te ajudar melhor, compartilhe esse artigo para que novos empreendedores tenham novas oportunidades de negócios, vamos ajudar!

Siglas | Significados

Copy: Abreviação de copywiting ( Escrita persuasiva )

Avatar: Ou persona é a definição fictícia de seus clientes

Leads: Potenciais consumidores

Ads: Propaganda ( advertising )

Nicho de mercado: Segmentos com necessidades pouco exploradas

Ativo: Negócios que geram rendas com menor esforço

Audiência: Pessoas interessadas na sua comunicação.

Público-alvo: Pessoas com características e interesses em comum

copywriting

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *